Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



5 de Junho de 2004

por Olympus Mons, em 05.06.21

Não sei se vocês de lembram do dia ou evento em que perceberam que o mundo estava ao contrário.

Eu lembro-me. Lembro-me do dia 5 de Junho de 2004, faz hoje 17 anos, e esse dia só ficou marcado na minha então jovem personalidade alguns meses depois no dia 11 de Novembro do mesmo ano.

No referido dia 5 de Junho ficou-me na memória a pouca atenção que foi dado em Portugal à morte de Ronald Reagan.  Lembro-me que no telejornal que via nem foi abertura e por uma razão qualquer até deram a noticia lá para o meio-fim. 
Na altura pareceu-me algo profundamente ingrato. Mas depois percebi que era meramente o air du temps que aí vinha.

Para mim o ex presidente norte-americano tinha tido uma importância vital na vida do planeta. Tinha derrotado o comunismo e eu nessa primeira década do século XXI vivia imenso o milagre, o impossível acontecido, aquele que terá sido até hoje a par com a explosão da agricultura o maior fenómeno humano reportado que foi a globalização e a vitória do capitalismo terem retirado da pobreza extrema mais de 2 mil milhões de pessoas na década de 90, na década após Ronald Reagan ter derrotado o império do mal, a influencia da União Soviética no planeta que impedia essa capitalização de um mundo que industrialmente se aproximava, logo algo que se assemelhava a um milagre para os mais pobres e desfavorecidos. – Percebi bem nessa altura como funciona mesmo a esquerda.

Ora, alguns meses depois, a 11 de Novembro, morre Yasser Arafat… e Portugal noticioso explodiu em frenesim. Lembro-me da interrupção das programação durante a tarde, das horas ininterruptas da TSF, do continuo da SIC Noticias com pessoas a entrar em direto uma atrás das outras que se prolongou pelo jornal das 8. Dir-se-ia que tinha morrido a segunda encarnação de Cristo… ou Maomé.

Nesse dia percebi.

E desde esse dia não deixei de o perceber em muitos dos eventos que se seguiram.

Desde esse dia percebi também que é tudo uma questão de tempo. Infelizmente lá chegaremos sem apelo nem agravo.  Não há que antecipar, temer ou lamentar. Infelizmente é meramente o destino.

Autoria e outros dados (tags, etc)


6 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 05.06.2021 às 18:59

Desta vez não estou 100% de acordo.

Quando Ronald Reagan morreu já tinha deixado de ser presidente há 15 anos.
Foi um personagem importante mas, dependendo da actualidade, pode não justificar ser notícia de abertura.

Quando Arafat morreu, ainda era o Presidente da Autoridade Palestiniana, que é um elemento importante de uma zona de conflito recorrente.
Concordo que seja notícia de abertura no telejornal da noite, ou que interrompam a programação das rádios e canais de noticias para informar do falecimento.
Que gastem mais de 10 minutos a falar do assunto é que me parece um desperdício de tempo.

Zé Manel Tonto
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 05.06.2021 às 23:26

Eu não sei, para quê é que as pessoas comunicam umas com as outras?

Um modelo simples.


1. Antes do 25 de Abril a PIDE protegia com sucesso o povo, da esquerda podre de hoje, que já se avizinhava, naqueles tempos.

A esquerda destruiu o império Ultramar nosso. Angola era nossa. Moçambique também.

Em Portugal, em Angola havia paz, justiça.

Em Portugal as pessoas podiam deixar as portas abertas, e ninguém roubava, para simplificar.

Em Angola não havia racismo. Isto não quer dizer, que era tudo cor de rosa. Mas eu conheço testemunhos, brancos, que o confirmaram.


2. Depois do 25 de Abril a PIDE não desaparecu, só mudou de nome e de tarefas.

Doravante a PIDE persegue a vítima e protege o criminoso.

Tão difícl de perceber?
Faltam provas empíricas?

Hoje as pessoas já não podem deixar as portas abertas.

E tudo a piorar.

Tudo a piorar na Europa Ocidental.

A piorar de propósito.

Hoje, metade do povo deixa-se espiar pela PIDE do livro da cara, com o maior dos prazeres. Adoram a mentira.


Jornaleco


1. Já notaram, que em Minnesota, as tretas do "defund the police", tornou-se num "refund the polic now and fast"?

2. Já notaram, que não é só em Minnesota?

Não?

Então deixem de ler os jornais mentirosos da esquerda podre.


4. A esquerda podre também tomou poder da herança do Ronald Reagan, duma certa instituição. Reagan teria querido, que essa fundação tivesse apoiado claramente Trump.

Mas não, a esquerdalha podre, assegurou, que isso não sucedeu.


5. No Chile, quando um marxista demónico (Allende?), tomou posse, ou qualquer coisa assim, disposto a tornar o Chile numa prisão comunista, o parlamento chamou por Augusto Pinochet.

O que é que o Pinochet fez, porque é que ele é tão odiado, por exemplo tamem em Espanha, pele esquerda putana?

Pinochet destruiu por completo a esquerda lá.

Pinochet usou os métodos brutais da esquerda, para destruir a mesma. Um horror para as putas esquerdistas.

Pinochet preparou o caminho para Reagan e Thatcher.

Pinochet abriu a aqueles, que querem criar riqueza o caminho.

E assim para a frente. Muit interessante.

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 06.06.2021 às 08:15


Number of COVID cases in Delhi (India) crashes after mass distribution of Ivermectin.

Jornaleco


Nota:
Ivermectin é super-super-barato e eficaz contra COVID. Um grande pesadelo para o crime organizado em volta da indústria farmacêutica mundial.

Ivermectin no México NÃO é proibido.

Nos EUA também não.

Mas em Europa (UE) é PROIBIDO. Sabiam?

Isto é um crime, de grandes dimensões.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 06.06.2021 às 09:00


Lembram-se desta? Lembrem-se, muito, muito bem, por favor, para vosso bem.


Citação:

"[...] And we know that when people got sick in Wuhan, China shut down travel to the rest of China while allowing Chinese to travel overseas, a near–smoking gun bit of evidence that China saw it as a bioweapon, whether or not it was deliberately engineered as such."


Fonte?
Não interessa. As afirmações são correctas, eu lembro-me que assim foi, naquele tempo.

Voos de Wuhan para a Itália, onde entre 500 a 300.000 chineses comunistas dizem trabalhar (90 por cento na indústria da moda!) eram
regulares. Foi por isso, que a Itália levou a primeira porrada.

E vós também sabeis. Provas não faltam, não vão faltar.

A língua (do ser humano) chinesa pode enganar, mentir. Agora as acções do ser humano nunca enganam. A intenção malvada do ditador chinês foi muito clara.

Jornaleco

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 07.06.2021 às 07:40

Lembram-se do Twitter?

Twitter foi bloqueado por um periódo incerto na Nigéria, no país completo. (A Nigéria é o país com a maior população em África.)

Vejam a reacção desses cobardes, desse nojo, desses fascistas mentirosos da esquerda podre, caso estarem interessados.

Jornaleco


Fonte:
https://www.americanthinker.com/blog/2021/06/tears_and_flapdoodle_from_twitter_over_nigeria_shutdown_calling_access_to_its_site_a_human_right.html

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 10.06.2021 às 23:58

A França a instaurar a nova APARTHEID em Europa.

Esse esterco humano assassino da esquerda fascista quer levar nos cornos. A maldade é grande.

Macron, já levou uns dias atrás uma chapada na cara por um cidadão corajoso e justo, que vão ou querem castigar com quatro meses de prisão, vejam lá.

A França é agora livre para todos, escreve a canalha do JN, ocultando de má fé ou por quererem ser malvados asnos, que só com a nova estrela judaica (Judenstern), o passaporte da falsa vacina, é que se pode entrar sem "problemas".

Isto é pérfido, porque os tais problemas começam com a falsa vacina, que não é nenhuma.

Caro @Olympus M., porque é que não escreve sobre este enorme perigo?

As autoridades não dizem a verdade.

Contam, que no Equador, deram a tal vacina falsa, a 200 (duzentas) crianças, sem qualquer necessidade, na verdade, isto tudo não passa duma cabala malvada. 112 (cento e doze) dessas crianças morreram devido à falsa vacina. Não ouviram?

Os pais, furiosos, por terem sido enganados de pura má fé, sem terem sido avisados, dos efeitos secundários e muito perigosos, mataram 19 (dezanove) dos médicos.

Quem quiser passar pela França, terá que apresentar o teste, que não tem o Wuhan-Fauci-vírus. Só que esse teste, não é nenhum teste. É como atirar dados. Pode indicar que alguém tem o vírus, mas na verdade está em perfeita sáude.

Se o teste indicar, que a pessoa está contaminada, terá que ficar quatorze dias na França? Será que não há ninguém que parta a cabeça a estes francêses porcos e tontos? E ficar aonde? Num hotel caro?

Isto é inaceitável.

Jornaleco

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D


Links

Blogs