Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



5 minutos

por Olympus Mons, em 18.07.21

Existem 5 minutos que vale a pena gastar. 
Os 5 minutos deste post the Judith Curry é um desses momentos, pela forma sucinta como é holistico.

https://judithcurry.com/2021/07/11/5-minutes/

Eu sigo Judith Curry há várias décadas. Para mim ela a par de Roger Pielke, representam muito bem o modo como chegámos aqui.

Lembro-me dela quando ainda era um deles, ainda pegava com trinta pinças qualquer narrativa que contrariasse os fazedores da tanga das alterações climáticas.  A tanga, não as alterações, claro. Na verdade quando retrospetivamente olho para eles todos, Pielke pai e filho, Spencer,  Christy, Curry, etc não me lembro de um que dissesse que o planeta não está a aquecer e que em parte esse aquecimento deveria ser pelo aumento de CO2 na atmosfera. Não me lembro de um.
Mas Curry foi curioso porque se consegue seguir com precisão o cancel culture, sim o cancel culture começou com as alterações climáticas porque toda uma elite científica não iria deixar que ninguém lhes roubasse a oportunidade. Curry começou por pedir aos colegas que não fossem tao defensivos. Chamou ela na altura de “circuling the Wagon” e que isso era mau. Curry rapidamente passou da amiga para ser inimigo. Quem quiser que investigue: Como tantos outros, ela passou de professora, e professora chair of the School of Earth and Atmospheric Sciences at the Georgia Institute of Technology para uma pariah a quem era negado até a cordialidade.  Ela passou por tudo, desde a traição de pessoas que ela tinha empregado e treinado e que hoje são famosos na área, até as pressões para deixar de ensinar. Como tantos outros hoje em dia já está fora da academia. – Cancel culture começou aqui e muito do que hoje identificamos como cancel culture cumpre com as metodologias usadas para agredir estes cientistas que não aceitaram calar a boca.

E tudo o que ela se insurgiu foi contra a tanga como forma de comunicação errada do problema em mãos. O truque, a tanga, está nisso mesmo. Na tanga. É como se começássemos a falar de pessoas que faltam de penhasco para água em mergulho e de repente toda a gente à nossa volta começa a falar de voar, e super-homem e o thor, e o Hulk… a pessoa fica sem saber o que dizer.

Trago Judith aqui porque este post dela em que transcreve a sua intervenção de 5 minutos num venue qualquer sobre clima. Ela resume muito bem qual o problema de perspetiva que hoje em dia existe sobre esta questão das alterações climáticas.

A ler:
https://judithcurry.com/2021/07/11/5-minutes/

Autoria e outros dados (tags, etc)


3 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 18.07.2021 às 19:55


1. E eu sigo à mais de dez anos

eike-klima-energie.eu

[Uma site alemã, que luta pela nossa liberdade, contra os mesmos vigaristas, como a Judith faz. Uma organização privada, independente do estado corrupto, que anda a financiar todos esses porcos, contra os quais a Judith também é obrigada a lutar. A esquerda odeia o site alemão, porque é o maior adversário.]

Ou a página

wattsupwiththat.com

thegwpf.com

Há algumas páginas boas.

Todas estão interligadas. A site alemão tem um link com a Judith e de vez em quando apresenta traduções para o alemão.


2. Na ciência não existe saber autoritário. Nunca existiu. Outra vez: na ciência exacta não à ninguém, nenhum Sinclair, que se possa impor pela autoridade que tem ou julga ter. Isso é uma ilusão e mau trabalho intelectual.

Só conta a veracidade da afirmação dita, proclamada.

Por isso, o que conta, não é o que a Judith diz. Só conta, se as afirmações dela são correctas ou não. E ela provou saber o que afirma.


3. A página (eike-klima-energie.eu) já organizou um encontro científico ao mais alto nível em Portugal, uns poucos anos atrás, na cidade do Porto. O que quer dizer, que também em Portugal há cientistas inteligentes, não corruptos, corajosos, sem medo dos socialistasa idiotas.

Nessa conferência vieram os melhores cerébros honestos, de todo o mundo.

Salvo erro apareceu lá um burro esquerdista, que nada percebe da matéria, mas tentou difamar os lá presentes. Nada de novo.


4. Toda esta vigarice com o clima, o vírus fantasma, etc., é levado para a frente, pela esquerda fascista, para meter medo ao pessoal e instalar um novo sistema mundial, para controlar o ser humano e terrorizar o mesmo.

Jornaleco

Eu sigo a site alemão já há mais de dez anos, porque quando eu a encontrei, já sabia "tudo". Eu consegui descobrir a burla sem a Judith ou Eike.

Mas eu fiquei encantado encontrar lá seres humanos, que também defendem a verdade científica.

E eu sou lá um frequente comentador, debaixo de outros pseudónimos.

Mas não tudo é cor-de-rosa. Muitos não se apercebem, que argumentam debaixo duma escola de pensamento. Pior, muitos não notam, não sabem dizer, quando argumentam, porque é que argumentam como falam e não de outra maneira.

Eu quero dizer: a escola de pensamento ateia tem grandes desvantagens. Porque eles interpretam os dados sempre da mesma maneira, e nunca são livres no seu pensar, nos seus pensamentos.

Mas o verdadeiro pensamento, o intelecto, a verdadeira inteligência tem que ser verdadeiramente livre, sem restricções.

E o pensamento ateio OBRIGA qualquer ser humano a explicar tudo, só dum certo modo. É uma forma de escravidão, escravatura.

É lógico.

E eu notei mais, que os tais amigos da ciência exacta sabem muito pouco. Só conhecem o seu prato, se o conhecerem bem. O problema é que a ciência tem muitos pratos, muitas faculdades. E a interdisciplinaridade (saber interdisciplinar!!) é muito importante. Só que quase ninguém a pratica. Poucos estão motivados. Uns ignoram o saber de outras partes da ciência. Saber provado!! Uma autêntica vergonha.

Pior, muitos cientistas não sabem provar o que defendem!

Muito pior. A crença instalou-se na ciência ateia. Poucos cientistas querem ou sabem fazer a prova dos nove, verificar o que foi dito.

Eu aconselho ler o livro de Thomas S. Kuhn [The Structure of Scientific Revolutions, Chicago: 1962]. A leitura desse livro prova, que quase todos os cientistas não sabem fazer ciência. Cada um tem um certo saber e eles não aprendem dos outros cientistas. Não! Eles defendem o seu "castelo" até à morte, mesmo que defendem algo errado.

Não é assim, que se deve fazer, praticar a ciência. A ciência é um constante aprender, só que muitos não o querem. Preferem defender mentiras e assim para a frente.

Sir Karl R. Popper ensina como se deve fazer ciência. É a obra mais importante até hoje.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 18.07.2021 às 20:32


Caro Olympus, é um facto inegável, que quase todos (ou todos?) "cientistas" que não são independentes, calam-se ou mentem como o governo o deseja.

Só quando estão reformados é que abrem a boca ou mudam de tom, no melhor dos casos.

O que sucedeu à Judith, sucedeu e sucede ainda a muitos, infelizmente e é um sinal claro, que há burla qualificada.

Jornaleco

A lista com as mentiras provadas dos inimigos da Judith e da verdade, é muito grande e comprida.

Não há nenhuma dúvida já, que isto é um crime contra a humanidade, perpetuado pelos mesmos porcos da esquerda incompetente e fascista.

Tudo aponta para o "Trans-Humanism".

Aqueles que querem "unir" o ser humano com o animal.

A questão já não é se DEUS existe ou não.

Eles dizem o abertamente, que eles querem ser como DEUS, ocupar o lugar DELE. Negando a existência DELE, que faz parte da cabala, até o idiota ocupar o lugar DELE em Jerusalem, no terceiro templo, que os maçónicos vão querer constuir lá.

Vai ser a blasfémia total.

Leia a leitura de Jacques Attali (ver saber interdisciplinar!!).
Attali é um maçónico e (!) mentor de Macron (França).
O actual presidente criminoso francês aprende a pensar desse porco Attali, um autêntico monstro.

Aqui está: para perceber tudo, é preciso saber interdisciplinar, que está ligado um com o outro.

Nada, nadinha sucede pelo acaso.

O tal Attali aprendeu o que ele sabe de outros monstros. A lista é também aqui comprida.

Eles querem acabar com a democracia. Já o dizem abertamente. E a tecnologia 5G vai ser o ponto de partida, para o controlo total do ser humano.

Vai haver APARTHEID!!
Da pior que se pode imaginar.

Esses que acabaram com a APARTHEID na África do Sul vão querer a mesma a nível mundial.

Isto é profundamento perverso e malvado ou não?

Muitos pobres e só alguns ricos.

Ou como é que você explica a tentativa de censurar a verdade a todos os níveis?

Quem tem um coração de pedra, em nada quer saber o que o outro quer ou pensa.


Ponto final: A ciência é a soma, a totalidade de todas (!) afirmações verdadeiras existentes até hoje. Muito mais, do que qualquer um consegue digerir intelectualmente.

Ciência não é aquilo que cada um pensa saber sobre a mesma. É muito mais. E o verdadeiro inteligente deve contar sempre com o impensável, diz a sapiência.

Bom domingo!!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 18.07.2021 às 21:46



Mais uma bomba, com a qual a Judith Curry vai concordar.

Citação:
171 Auto-Experten aus sechs Ländern werfen der EU-Kommission vor, die CO2- Emissionen von E-Fahrzeugen falsch berechnet zu haben. Der Ausstoss liege in Wahrheit um Faktor zwei höher. Stimmt der Vorwurf, ist es mit den ökologischen Vorteilen der Elektromobilität weitgehend vorbei.


Tradução respectiva:
171 peritos do sector automóvel de seis países acusam a comissão europeia em Bruxelas, de ter feito as contas mal feitas no que diz respeito às emissões de dióxido de carbono do carro eléctrico. As verdadeiras emissões do carro eléctrico são o dobro, em relação ao dióxido de carbono. Se a acusação estar certa, acabaram-se as vantagens ecológicas da mobilidade eléctrica.

Jornaleco


Conclusão:
Como a esquerda criminosa e fascista vai ocultar o óbvio, devido ao controlo criminoso da comunicação social, desmentir este facto inegável, a malta continua com o caminho para a pobreza, para o abismo.


Fonte:
https://eike-klima-energie.eu/2021/07/15/elektroautos-doppelt-soviel-co2-wie-gedacht/

[Carros eléctricos com o dobro de dióxido de carbono do que pensado!]

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D


Links

Blogs