Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Colona!

por Olympus Mons, em 03.11.21

Joacine Katar Moreira não parece ter qualquer ancestralidade pigmeu nem qualquer ancestralidade Khoi(San). Nisto penso que poderemos todos concordar. Sendo assim obviamente que a Joacine é descendente de Bantus como a maioria dos africanos sub-saharianos.

Os antepassados da Joacine, aprenderam a praticar agricultura (slash and burn) e do seu ponto de partida nos camarões foram conquistando, foram colonizando o resto de Africa. Sim, a Joacine e o Mamadu são tão descendentes de colonizadores como qualquer Europeu.  

Por toda esta Africa, antes deste processo de colonização dos antepassados da Joacine, existiam Pigmeus, Hadza e Khoisans por regiões vastíssimas no continente. E basta analisar o ADN desta gente para perceber que são de um admixture bastante diferente daquilo que hoje em dia denominamos Africanos. Curiosamente aquilo a que hoje chamamos Africanos, aquilo que instintivamente identificamos como africanos, é algo bastante recente em vastíssimas partes de África, como por exemplo a parte sul do continente. Lembrar que existe maior proximidade, menor fst (fixation index) entre um nigeriano e um europeu do que entre um Nigeriano e um bushman Khoisan, que se separaram há mais de 100,000 anos (!).

Além destes, sabemos que no ponto de origem dos ascendentes da Joacine, os colonizadores Bantu, vivam os Shum Laka, que foram extintos. Não será muito difícil de imaginar quais os mecanismos através dos quais estes foram eliminados. Não existem muitas componentes genéticas que tenhamos encontrados e que tenham sido extintos, ao invés, fica sempre uma parte do ADN autossomal que é miscigenado com os invasores. Curiosamente os colonizadores dos quais a Joacine é descendente eliminaram completamente o ADN dos Shum laka. Qual é o outro nome que damos a isso… ah, já me lembro, genocídio.
Curioso como seja ele os pigmeus enfiados em habitats de floresta quase impenetráveis, seja Hadza no plateau do Serengeti ou Khoi no meio dos inóspitos ambientes do deserto do kalahari, tudo parece indicar fenómenos de colonização muito pouco inclusivos, não é. Ao menos os Europeus ao colonizar não atiraram os indígenas para os sítios mais inóspitos que havia. Não colocaram os índios no meio do deserto do nevada pois não?

Temos que parar de aceitar que a esquerdalhada defina os termos exatos das conversas que podemos ter. Podemos falar sempre do colonialismo não podemos é reduzir o termo e conceito à colonização europeia. Colonizadores foram todos (praticamente) e descendentes de colonizadores/colonizados, esclavagistas/escravos, violadores/violadas somos todos nós (!). Todos!

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2022
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2021
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2020
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2019
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2018
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2017
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2016
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2015
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2014
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2013
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D


Links

Blogs