Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

barradeferro

barradeferro

01 Jun, 2024

Crises compradas

No meu post anterior, posso ter falado de Marselha mas para muitos pode não ser claro o que é Marselha, enquanto contexto social, hoje em dia. Num pais que está entre os 30 mais elevados no HDI (Human development Index) das nações unidas o tipo de título na imagem é aberrante.
No entanto é isto que estamos a importar. Não é uma experiência nova é uma que já tem décadas de duração, logo podemos ver o resultado!

Captura de ecrã marselha crise humanitaria.png

 

E o quadro pintado é o seguinte:

Passou de uma das cidades vibrantes da Europa para ser a Marselha, uma das cidades mais desfavorecidas de França.

Crime e Violência:
Violência de Gangues: Marselha tem um problema com a violência relacionada a gangues, especialmente nos bairros do norte. Isso inclui o tráfico de drogas, que frequentemente leva a confrontos violentos.
Crimes Menores: Furtos, roubos e vandalismo são relativamente comuns, afetando tanto residentes quanto turistas.

Desigualdades Economicas:
Desemprego: A cidade enfrenta altas taxas de desemprego, particularmente entre os jovens e as populações imigrantes. Isso contribui para a instabilidade econômica e a tensão social.
 Pobreza: Grandes porções da população vivem na pobreza, com acesso limitado a educação de qualidade, saúde e serviços sociais.

Crise Habitacional:

 Habitação Precária: Muitos residentes vivem em moradias de baixa qualidade, incluindo apartamentos superlotados e edifícios inseguros. A infraestrutura envelhecida da cidade agrava esse problema.
Sem-abrigo: A questão dos sem-abrigo continua sendo um problema crítico, com um aumento visível no número de pessoas vivendo nas ruas.

Integração e Coesão Social:
Integração de Imigrantes: Marselha abriga uma grande população de imigrantes, que às vezes enfrenta desafios para se integrar à sociedade mais ampla. Barreiras linguísticas, diferenças culturais e discriminação podem dificultar a coesão social.

Exclusão Social: Certos bairros experimentam altos níveis de exclusão social, levando ao isolamento e à falta de oportunidades para os moradores.

Desafios na Educação:

 Taxas de Abandono Escolar: A cidade enfrenta altas taxas de abandono escolar, particularmente em áreas desfavorecidas. Isso afeta as perspectivas de emprego futuro e perpetua o ciclo de pobreza.
Qualidade da Educação: Existem disparidades na qualidade da educação fornecida, com escolas em bairros mais pobres frequentemente carecendo de recursos e apoio.

Serviços Públicos e Infraestrutura:
Transporte Público: Embora Marselha tenha um sistema de transporte público, ele é frequentemente criticado por ser ineficiente e pouco confiável, especialmente na conexão de bairros mais pobres ao centro da cidade.
Acesso à Saúde: O acesso aos serviços de saúde pode ser desigual, com comunidades marginalizadas enfrentando tempos de espera mais longos e menos recursos.