Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



de MEL e fel

por Olympus Mons, em 27.05.21

Capture PSD Direita.PNG

Finalmente alguém que disse a verdade.
E a razão pela qual Rui Rio o disse é porque 80%-90% dos portugueses são ideologicamente de esquerda sem apelo nem agravo. E o PSD largou o PPD precisamente por causa disso. O PSD é de centro esquerda na sua matriz.

Ser de direita resulta de uma similar distância da esquerda e dos libertarians que em Portugal gostam de se chamar liberais. Para se ser de direita tem que se gostar de nós próprios.

Ser de direita não é pagar menos impostos ou querer menos estado. Ser de Direita resulta do conservadorismo que por sua vez assenta na crença que houve um caminho para chegar aqui vindo de tempos muito piores e tem que se ter cuidado com o caminho que se enceta porque por norma ele não leva a melhorias. Para alguém de direita as evoluções tem que ser naturais, tem que resultar de empurrões descritivos (Descriptive morality) que por serem descritivos e não prescritivos não são revoluções.  Para sistemas (como as sociedades) que resultaram de muito trial&error durante longos períodos de tempo a probabilidade de o conseguires melhorar é ínfima. Ínfima. As sociedades ocidentais, atuais, levaram 500 anos a construir e assente em 2000 anos anteriores por isso não basta dizes que fazes melhor tens que demonstrar que consegues fazer melhor. A esquerda conseguiu esse truque que é convencer as pessoas a embarcar em alterações profundas nas sociedades sem ter que demonstrar, sem ter o ónus de qualquer prova. E pior, que mexer nos tenets, nos princípios, correntes das sociedades ocidentais vai resultar em algo de bom a médio prazo. Das outras vezes toda resultou nas dark ages...

No MEL, entre CDS que é uma velharia adaptada ao regime xuxalista abrilista (tantos acabaram no PS), passando pelo IL que são bloquistas que foram assaltados em plena luz do dia pela realidade, dos lideres que por ali passaram ficou o discurso de André Ventura a desafiar uma sala de betinhos.  - https://www.youtube.com/watch?v=lzI8zYJhQI0
Uma sala que representa gente que viu o comunista a apontar o dedo e chamar de sabotador para se acabar numa gulag e agora está borrado de medo. Gente a quem basta piscar o olho e dizer “esse racismo…” que se borram de medo, gente a quem basta fazer “Ttst,tst esse preconceito…” para se replicarem as justificações porque até lá no fundo acham a diverity uma coisa porreirraça.
veja-se aqui:

Capture costa111.PNG

Rui Rio não representa nada da direita - Representa uma forma envergonhada de esquerda, assente num provincianismo portista, que acha, sei lá, importantíssimos fatores regionais como precursor de melhorias do país, enquanto até leva estes tautaus de Costa após lhe ter lambido os sapatos.  Não vale dois tostões.

Autoria e outros dados (tags, etc)


4 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 27.05.2021 às 20:16

"Ser de direita não é pagar menos impostos ou querer menos estado."

Não será só isso, mas com menos impostos e menos estado, acaba com a esquerda.
Se, pelo contrário, se optar primeiro por acabar com a esquerda, obtém-se menos estado, seja em social, ou em burocracias, e consequentemente menos impostos.

É daquelas coisas que não são a mesma coisa, mas uma levará necessariamente à outra.

É como a final de uma competição desportiva, para querer que um perca, acaba por querer que o outro ganhe.

Zé Manel Tonto
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 27.05.2021 às 21:24

Caro @Olympus, o seu texto de hoje merece muitas críticas.

1. Citação: "[...] 80%-90% dos portugueses são ideologicamente de esquerda [...]"

O termo esquerda nada diz. É uma total vigarice. O que você quererá dizer é isto, na verdade.

80 a 90 por cento dos portugueses adoram mentir e ser mentidos, enganados.

Muito bem. Cada um é livre de escolher. Que comem o esterco que produzem.


2. Essa treta do Costa e do Rui Rio advém do seguinte. Ambos fazem parte do grupo altivo e elitista Bilderberger. Como também esse traidor e dono da SIC. E muitos mais cobardes neste país.

Esse grupo maçónico decidiu invadir a Europa com os piores inimigos, que se pode imaginar.

E para atacar duma forma pérfida a todos que sejam contra, o que é e será normal, usam o truque de inculpar o adversário (a tal direita) de mau comportamento. Isto é psicologia da mais malvada aplicada.

Vejam lá, os que defendem, que a moral não existe, aparecem agora com uma moral inventada, totalmente perversaa, para enganar a aqueles, que continuam a defender o país dos piores inimigos.


4.
Depois, você não reconhece os grandes erros e defeitos, da tal "esquerda". E não compreende, quem é que anda a brincar com quem.


5.
Os Bilderberger andam a preparar o terreno para uma guerra civil, para depois impor a nova ordem mundial, o terror e o totalitarismo, sobre nós. Vindo como os falsos salvadores. E aí está: 80-90 por cento dos portugueses tornaram-se em total burros, asnos perfeitos. E vão aderir à nova escravidão.

E de quem andam a aprender os nossos perversos malvados e decadentes? Da China comunista, que já vendeu até agora, mais de 80 (oitenta) sistemas informáticos, para controlar toda a população. A nova STASI mundial, a pior PIDE que se pode imaginar. O perfeito Dr. No.

Et cetera.

Jornaleco

Segundo a sua crença, não existe moral. Albert Camus sabia disso. Camus era um ateu "honesto". Ele sabia, que o ser humano asno de hoje, só tem duas decisões: cometer suicídio ou não. Nenhuma solução faz sentido.

A vida do homem de hoje baseia-se na mentira e não faz sentido nenhum, para aqueles, que decidiram preferir mentir ao próximo e ser enganados pelos outros.

Que castido horrível para um país, que virou as costas a um excelente trabalhador como Salazar foi.
Sem imagem de perfil

De João Brandão a 27.05.2021 às 22:42

Disse bem, Rui Rio o lídimo representante de um partido que quase desde o seu aparecimento iludiu e defraudou politicamente a maioria do seu eleitorado.
Atá há dez anos atrás, a maioria do eleitorado do psd era não socialista. Hoje não não tenho essa certeza. Até essa altura o eleitorado daquele partido não queria nada com socialismos, contudo o psd enchia a boca com social democracia. E as pessoas não alcançaram o verdadeiro significado disto e foram caindo no logro de votar nesse partido.

E vai continuar sendo um logro. Quando RRio sair, pois trata-se uma nulidade política, um indivívduo com comportamento aparolado em enaquadramento urbano, logo sem elaboração suficiente para estas andanças, o psd vai voltar à ambiguidade e ao discurso redondo para iludir sobretudo o eleitorado não urbano.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 29.05.2021 às 14:51

"Atá há dez anos atrás, a maioria do eleitorado do psd era não socialista."

João, vamos lá pensar no seguinte:

Esse eleitorado não socialista era a favor ou contra a segurança social?
Era a favor ou contra serviço nacional de saúde pago com impostos, e grátis, ou perto disso, para utentes?
Era a favor ou contra escola pública grátis até ao superior, e altamente subsidiada no superior?

O eleitorado psd, tal como quase todos os Portugueses, é socialista. Se esses eleitores tinham capacidade mental para perceber que o eram, já é outra questão.

Aquilo que uma pessoa é politcamente não se define pelo que ela diz que é, mas pela sua posição face a temas concretos.

Analisando dessa forma, o eleitorado PSD sempre foi de esquerda.

Zé Manel Tonto.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D


Links

Blogs