Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Não é inocente…

por Olympus Mons, em 30.11.20

Este senhor é o Director do Observador. E temo que este jornal vá pelo mesmo caminho que o semanário SOL.  Outra das tentativas do clube PSD de criar uma imprensa que rivalize com a imprensa do clube PS. Ao Final do dia, tudo socialistas por aí abaixo e, também por norma, acaba mal para que tenta. O clube PS é, ao fim e ao cabo, o Dono disto tudo. - Espero ser a última vez que uso a cara do senhor seja para o que for, e mais uma vez, novamente devido a mais um o Bom, o Mau e o Vilão.

 

O que nos traz a ele (outra vez):
O Partido extremista do André Ventura, o CHEGA, propõe coisas estranhíssimas para esta gente, que são lei há muitos anos em países como Espanha ou Bélgica, que estão em proposta de lei em países como a França e na verdade prática em sítios como, entre outros, o País de Gales ou mesmo em pelo menos 7 estados dos Estados Unidos. Para não falar em 90% do resto do planeta. Experimente lá filmar a polícia em ação por esse mundo fora a ver o que lhe acontece.

Mas para Miguel Pinheiro, o problema é que a proposta de lei, que pelo que percebi ele não leu (nem eu) diz especialmente “se grupos étnicos ou raciais minoritários”. Não sabendo se isso está na proposta de lei ou não (mas tenho dúvidas que esteja lá nessa formulação!), na proposta de lei francesa também está claramente no espírito da lei essa prevenção de utilização para instigar tensões sociais e raciais no país.  Foi isso que André ventura terá deixado claro e ninguém precisa de ser um génio para perceber que isso é o que está no espírito de todas as leis do género.

É que a lei francesa não proíbe filmar policias, mas sim fazê-lo com a “Intenção de fazer mal”.  – Em Portugal a quase totalidade de utilização de imagens de intervenção policial tem essa intenção de promover uma narrativa da extrema esquerda em as forças policiais surgem como forças de opressão intencional de minorias étnicas. - E sim, devemos condenar a utilização de imagens de intervenções policiais para promover agendas políticas que consideram útil instigar a tensões raciais. Isto devia ser óbvio para toda a gente.

Aparentemente terá sido exatamente o que deputado do Chega terá dito que está na proposta de lei. Agora é esperar pela proposta de lei.  

Já agora e para que fique claro. O que preocupa os franceses (a imprensa, claro) é que a nova lei francesa pode ser usada pela polícia para promover a instauração de processos criminais a jornalistas que façam uma edição de imagens com o intuito de fazer as forças policiais parecer algo… (Escolha o que quiser). -  E nisto, também me parece bem a nova lei!

E lembrar toda a gente que o estado tem o monopólio da violência. E por uma boa razão. Quando não a tem, a violência generalizada é uma das moedas do dia… Suspeito que quem promove o denegrir incessante da policia sabe disto. Porque não se fala antes do tal Mamadu Bá?

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


3 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 02.12.2020 às 19:03

A partir do momento em que há sufrágio universal, vai caminhar-se para o socialismo. Nem é preciso escrevê-lo na constituição.

A larga maioria, que paga menos de impostos que aquilo que recebe do sistema, vai garantir que assim acontece.

Mal por mal, que governem os socialistas assumidos, que é garantia que o sistema estoira mais depressa.

Zé Manel Tonto

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D


Links

Blogs