Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



O Jornal expresso e o FCE do dia

por Olympus Mons, em 08.12.20

 

Carla Tomás, Jornalista do Expresso 

Esta gente é perigosa (!). Tanto quanto os idiotas uteis, mesmo assumindo que até bem-intencionados, sempre foram.

 

 

Por se falar tanto em populismo nesta nova era, devemos lembrar que os lideres populistas de direita apelam ao populismo do que é “descritivo” e não do que é “Normativo” ou “Prescritivo”. Isto claro falando sempre em termos Haidtianos
O populismo de direita, apelando ao que nos descreve como o ingroup, o sagrado, a identidade é muito menos perniciosa do que o populismo de esquerda que apela ao mais intrínseco dos povos, qualquer que seja, dos humanos, quaisquer que sejam, que é o “normativo” porque universal.  Devia ser proibido!– O populismo de esquerda, que foi normalizado no mundo, seja em Portugal, nos EUA, ou…humm ainda estou para perceber como se manifesta nos asiáticos… é muito mais perigoso.  -  Não se devia poder brincar com esses pilares morais que são normativos: E esses normativos e prescritivos é tudo o que é Harm/care, e Fairness/Justice. Até os símios possuem em parte estes pilares morais.  Brincar com as coisas mais instintivas nos seres humanos costuma ser receita par o desastre.

 

Esta notícia no expresso, é exemplo disso.  Temos todos que parar de ignorar o problema e começar a fazer linhas inultrapassáveis no chão:

Capture ex2.PNG"….Com maior poder de compra, são os mais ricos que mais viajam de avião e de carro, hábitos que representam 30-40% da sua pegada de carbono.”

 

Usar algo que é uma commodity para quem tem um estilo de vida mais moderno, como andar muito de carro ou de avião para teclar a mantra perigosa da desigualdade no contexto neo-marxista que o fazem é perigoso.  Quando se começará a ripostar?
 

Uma nota final que é importante: As Carlas deste mundo não são perigosas por enveredarem pelo Kayfabe das alterações climáticas, até porque os RCP (representative cumulative pathways), e SSP que são utilizados por estes maluquinhos para descrever o nosso futuro de emissões de CO2 são irreproduzíveis no mundo real, não são de todo a trajetória que as sociedades humanas estão a tomar, não são reproduções minimamente realistas do nosso futuro.  São filmes, são Kayfabe que as pessoas sabem que é mentira mas fingem acreditar na mesma. -  As Carlas deste mundo são perigosas porque cutucam com vara curta sentimentos primais de inveja e Schadenfreude contra o outro, contra os “urricos do Louçã” que não deviam de todo.  No contexto ali descrito, uma vida cheia e moderna é uma vida de rico. Este Fascismo cultural de esquerda vai acabar mal.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


2 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 08.12.2020 às 20:45

Li há tempos no The Guardian um colunista a dizer que se devia deixar falir as empresas de transporte aéreo, numa crise criada pelos Estados, porque o transporte aéreo é dos principais emissores de CO2.

Fui ver o currículo do fulano. Viagens de investigação ao Brasil, África Oriental e Indonésia. Duvido que tenha ido de barco à vela.

Estes esquerdistas metem-me nojo. Viajou enquanto pode, e agora fecha a porta aos seguintes.

Lembra-me uma "dótôra" que conheço, que nunca trablhou um dia, mas vota nos Livres desta vida porque prometem dinheiro para a "ciência", a insurgir-se contra o excesso de turistas em Lisboa.
Ela correr meia Europa, tudo bem, mas quando tem que se desviar na rua de um turista a tirar uma foto, já é demais.


Zé Manel Tonto
Imagem de perfil

De Olympus Mons a 09.12.2020 às 15:35

Aposto que toda a gente que lê aqui tem casos desses para contar.
Mais tarde ou mais cedo teremos que ter estratégias para lidar com esta vasta esquerda.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D


Links

Blogs