Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Plausible deniability

por Olympus Mons, em 19.07.21

A ver: 

https://odysee.com/@Jadu200:7/Dr.-Robert-Malone,-Inventor-of-mRNA-technology-discusses-the-Spike-Protein-_-Int_Full-HD_60fps:2

Novamente! – Não sei o suficiente sobre vacinas para sugerir ou querer influenciar qualquer pessoa neste planeta. Não é de todo o meu objectivo.

Novamente – O meu problema é que existe pessoas como este senhor do vídeo, que é o inventor do tipo de vacina que todos nós tomámos ou vamos tomar e ele faz avisos sobre as vacinas. 
Novamente –  e mais importante, O meu problema é, no essencial, este: Existe fact-check, atrás de fact-check, atrás de fact-check a este senhor que é nada mais que o inventor do tipo de vacina, levanta questões sobre a segurança especialmente em jovens. Mas… entendam… os fact-checks não está a vir de quem devia vir! Do CEO da Pfizer, do CIO da Moderna, do responsável pela inovação da AstraZeneca! Do cientista chefe da Johnson & Johnson's Janssen!

Tudo isto soa a Plausible deniability.
“Plausible deniability is the ability of people, typically senior officials in a formal or informal chain of command, to deny knowledge of or responsibility for any damnable actions committed by others ...”

Toda uma estrutura, cheia de direitos e privilégios, chamado de imprensa e não há um, um que seja, com autorização de quem manda para ir perseguir estes senhores e obrigá-los a ficar escrito na pedra aquilo que patetas atrás de patetas anda a criar conteúdos sobre! 
No dia em que quisessem obrigar cargos de topo a assumir responsabilidades por qualquer efeito adverso das vacinas, especialmente nos mais jovens, provavelmente acabaria esta tanga, este kayfabe, em que toda a gente parece viver confortável com.  Esperemos todos que não haja, porém fica esta sensação horrivel que tudo isto é ensaiado para nao haver responsáveis na eventualidade.  E não se entende como se chegou aqui, pois não?  O Aqui é esta penumbra em que tudo é negavel caso seja necessário porque nada foi explìcito.
Como é possivel? quando morreu a o jornalismo, quando morreu a responsabilidade? ah, já me lembro, quando a esquerda tomou o controlo. 

Nada mais chocante que espirito amputado.   Isto sim é difícil de sequer observar.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D


Links

Blogs