Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



voltar a dar...

por Olympus Mons, em 05.11.21

E aí está a primeira sondagem.

Capture sondagem 2022.PNG

Claro que não é a melhor das sondagens, bastará ver de onde vem e onde é publicada (na minha opinião Aximage é... o que é) e claro que as coisas irão clarificar nas próximas semanas e nas sondagens que se seguirão, trazendo uma melhor expressão sedimentada da vontade do eleitorado.

Mas… não serão assim tão, tão, diferentes. Se alguma coisa mantenho que o meu instinto colocado neste post (https://barradeferro.blogs.sapo.pt/sr-primeiro-ministro-202424) estará, o futuro o dirá, mais correto do que esta sondagem.

Relembro a minha previsão:
PS= 34 - 37%
PSD = 28 - 31%
CHEGA = 8.0 - 10%
Be = 5.1 -6.5%
PCP =4.4 - 5.5%
IL= 4%
CDS = 2.1%
PAN = 2.8 %

A lógica diria que se avizinhava uma viragem à direita, mas se há coisa que pode levar para o banco é a ilógica crónica do Tuga.
Acresce a isto que a geringonça era, e é, parte integrante do ideário do português saído do 25 de Abril após a normalização pós PREC e houve durante os últimos 6 anos uma tranquilidade emotiva-política que não me lembro ter par. Se juntarmos o PSD, que por direito próprio merece lugar à esquerda, temos a alma de Portugal nos 85-90% dos votantes. Nada disto mudará nas eleições de 30 de Janeiro. Tal como a maioria de deputados à esquerda também não mudará.

Cedo saberemos qual a jogada de António Costa.  Se ele insistir que com ele não haverá mais geringonças… existe a possibilidade de o PS acabar com maioria absoluta. Bastará para isso que o PS, os donos disto tudo, acionem os pundits, jornalistas e opinion makers a seu soldo e a maioria absoluta será possível.
Contudo não me esqueço que o cascar no Costa tinha começado antes desta crise, logo não conto com essa ajuda a Antonio Costa por parte do FCE, antes sim, que vão deixar rolar, fingir baralhar e voltar a dar  até tudo ficar na mesma… e o Pedro Nuno acabar Primeiro-ministro.

Autoria e outros dados (tags, etc)


1 comentário

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 06.11.2021 às 10:47

Juntando o PSD à esquerda (100% de acordo), também se deve juntar o CDS.

Não me esqueço de Ventura ter sido o primeiro deputado a exigir estado de emergência, ainda quando a palerma da ministra da saúde dizia que havia poucas possibilidades do virus chegar cá.
Sobre liberdade individual, o Chega é de esquerda.

Lembro-me também da campanha para as presidênciais, e o Ventura dizer que a sua candidatura era a candidatura dos pensionistas, e dos funcionários públicos sem progressão na carreira.
sabemos então que o chega também se está pouco marimbando para tirar a carga fiscal dos poucos que pagam, prefere continuar a alimentar uma multidão de convivas à mesa do orçamento.
Sobre liberdade económica o Chega é tão mau como o BE.

Nem a própria Iniciativa Liberal é de direita, pois apesar de ter liberal no nome não votou contra a recente lei da censura online.

O tuga é xuxa, e não há nada a fazer.

Nas próximas eleições não vou votar porque não vou estar no país.

Se estivesse, e não decidisse votar nulo, talvez votasse no Chega, apenas porque irrita as esganiçadas do Bloco, e os soyboys que lhes dão a patinha, faz a Joacine gaguejar, o Mamadu mamadar, e a estalar o verniz à escumalha jornaleira.
Mas se o Chega alguma vez tiver hipótese de ir para o governo, não voto nele.

Zé Manel Tonto.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2022
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2021
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2020
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2019
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2018
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2017
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2016
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2015
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2014
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2013
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D


Links

Blogs