Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Who are you?

por Olympus Mons, em 12.09.22

Esperei até ter a confirmação, ou pelo menos apoio mais empírico de alguém que lá estivesse, para aquilo que qualquer um de nós pode observar no processo de luto da Rainha Isabel II.

Londres, centro das manifestações de pesar, tem somente 43% da população White-British. O restante são pessoas de outros países (nomeadamente portugueses) e depois pessoas de todas a raças e etnias diferentes da Europeia - Aliás no essencial são pessoas de ascendência asiática, africanas ou caribenhas.

Dos maiores derrapanços em debates que já vi foram de White-British a não saber como responder quando pessoas de outras raças e etnias lhes perguntavam se eles, ou o filho a, b ou c nascido no reino unido não era britânico?  - Literalmente pessoas interessantíssimas, como por exemplo Richard Dawkins, ficaram sem saber o que responder. 

Observando as cerimónias fúnebres de Isabel II fica-me a sensação que a resposta correta seria que não eles não eram britânicos, nem os filhos e já agora os netos. Serão cidadãos do país, mas não são verdadeiramente britânicos. 
Não no sentido em que um bristish é um súbdito da rainha e essa identidade, num mundo que tanto liga a identity politics, não é, obviamente pelo que pode observar, seguido ou importante por uma grande parte da população do pais. E essa população é perfeitamente identificada… São os não-white-british! Simples não é? É só observar.

Os jornalistas procuram sempre a diversity, procuram sempre o representante de outra raça, a pessoa negra na multidão, os south Asians tão comuns para qualquer pessoa que visite o reino unido e é notório a dificuldade que neste caso tem em encontrar essa gente nas multidões. Mesmo tendo em conta que existem turistas que aproveitaram para viver o momento. Um dos vídeos de comentário que já vi era de alguém que estava espantado porque pelo que tinha percebido, as pessoas de raça negra que apareciam na televisão tinham vindo com a equipa da BBC para o local.

Mas deixando de lado esses exemplos, mais anedóticos, é notório que o momento é um momento White-british. A rainha morreu e saúda-se o novo Rei… e quem vem para a rua, quem manifesta o viver do momento e afirma a sua identidade como Britânico serão as pessoas que ao final do dia são “os britanicos”. -  População branca, de genética do centro da europa e norte da Europa.
E, apesar de algumas tentativas protocolares, também não se estão a esforçar muito para esconder esse facto, pois não?

Poderia dizer que minguem liga nenhuma a estas coisas, mas não é verdade, pois não? Desde que a rainha morreu que não se vê outra coisa. Por isso é importante.   - E se é importante, o que resulta desta observação é que num país em que avolumadas partes da população já vai na terceira geração de etnicidade bastante diversa da original, essas pessoas não são uma representação do país onde vivem há gerações.

Então serão uma representação do quê?

Autoria e outros dados (tags, etc)


10 comentários

Sem imagem de perfil

De Ricardo a 12.09.2022 às 18:00

Serão uma representação (tal como em Bruxelas ou Paris etc etc) do globalismo multi-coiso e tal promovido há décadas pelas elites internacionalistas. Sugiro meu blog novomundo111 no blogspot.
Imagem de perfil

De O apartidário a 12.09.2022 às 18:28

E esse processo está de tal maneira avançado que entre cerca de 20 militares (os que apareciam na imagem com kilts)em parada hoje na chegada de Carlos III contei 4 negros,e estamos a falar de Edinburgh na Escócia e não de Londres.
Sem imagem de perfil

De Zé Manel Tonto a 13.09.2022 às 20:41

Os militares estacionados na Escócia não são necessariamente recrutados na Escócia.
Sem imagem de perfil

De Ricardo a 17.09.2022 às 11:45

Estive a ver (na rtp3) a chegada à base de onde saiu a urna para Londres,e eram pelo menos uns 20 negros em cerca de oitenta militares em parada (com os tais kilts)do regimento real da Escócia, guarda de honra.
Imagem de perfil

De O apartidário a 12.09.2022 às 18:17

No leste de Londres, "a questão" destes dias não são as homenagens a Isabel II, mas sim as contas da luz . -

https://24.sapo.pt/atualidade/artigos/no-leste-de-londres-a-questao-destes-dias-nao-sao-as-homenagens-a-isabel-ii-mas-sim-as-contas-da-luz
Imagem de perfil

De Olympus Mons a 12.09.2022 às 22:11

Exactamente o meu ponto, não é?
Sim, Mariam Hamed neta de imigrantes do bangladesh não sente nada.

Já os pobres das Middlelands de Inglaterra sofrem a morte da rainha como se de um familiar fosse.

É isso. Neta e ainda assim não é britânica!
Sem imagem de perfil

De Zé Manel Tonto a 13.09.2022 às 20:46

O facto de ser uma enchente de gente branca em Edimburgo não é de estranhar.
98% da população da Escócia é branca (ou era, isto já são números do census de 2011).
Mesmo que haja ali gente do Norte de Inglaterra, a percentagem de população branca no Norte de Inglaterra também é muito alta.

Esta análise pode fazer-se quando o corpo da Rainha estiver em Londres.
Imagem de perfil

De Olympus Mons a 13.09.2022 às 21:11

Nope!
O que suscitou este post foi a multidão que se se concentrava no buckingham palace com filas que vinham desde green park!

Quem lá foi e que eu ouvi, é que disse que era tudo ingles e branco!
Mas que os jornalistas da BBC só intrevistavam os poucos negros que po lá apareciam e que de acordo com essa pessoa tinha a impressão que tinham vindo com os Jornalistas!
Sem imagem de perfil

De Zé Manel Tonto a 14.09.2022 às 10:08

Esta é para eu aprender a não dar o benefício da dúvida nestes assuntos.
lol
Imagem de perfil

De Olympus Mons a 13.09.2022 às 21:14

Quando for o funeral é evento! é show! - E aí vai aparecer todo o tipo de gente! Nacionais e estrangeiros.

Por isso era importante perceber quem se "incomodava" para ir prestar homenagem sem ser jajão!. - E isso é o que foi visto. Brancos. Numa cidade com 40% de pessoas de outras raças e etnias.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D


Links

Blogs